Quais são os seus direitos quando demitido?

É claro que perder o emprego, principalmente num cenário instável e preocupante, é sempre desagradável. Mas é importante saber quais são os seus direitos quando demitido, e entender exatamente o que você vai receber caso venha a ser desligado.

Exceto em casos de demissão por justa causa, quando o profissional é desligado sem motivo aparente ele tem uma série de direitos que devem ser garantidos pela empresa empregadora.

Mas por desconhecer esses direitos, muita gente acaba não sabendo exatamente o que cobra da empresa, e sequer saber o que receberá pelo tempo de trabalho. Trouxemos então um guia rápido a respeito desse assunto!

Saiba quais são os seus direitos quando demitido, e descubra o que você vai receber se a empresa decidir reincidir o contrato sem que haja um motivo aparente para isso.

Direitos quando demitido: o que você vai receber ao sair da empresa sem justa causa?

Quando um funcionário é demitido da empresa sem justa causa, ele tem alguns direitos que são garantidos pelo regime CLT. Vamos explicar quais são os seus direitos quando demitido a seguir.

Basicamente, vamos falar de dois tipos de demissão: sem justa causa com aviso prévio indenizado e sem justa causa sem aviso prévio.

  • Aviso prévio trabalhado:

No caso de aviso prévio trabalhado, você é demitido, mas ainda trabalhar por um mês para a empresa. Nesse caso, seus direitos quando demitido serão:

  • Valor de um salário referente ao mês;
  • Aviso prévio proporcional;
  • Férias vencidas;
  • Férias proporcionais;
  • 13° salário proporcional;
  • Multa de 40% sobre o saldo do FGTS:
  • Seguro desemprego.

Já os seus direitos quando demitido em caso de aviso prévio indenizado sem trabalhar mudam um pouco.

Aviso prévio proporcional;

  • Saldo de salário;
  • Horas extras;
  • Férias vencidas;
  • Férias proporcionais;
  • 13° salário do ano da demissão;
  • Multa de 40% sobre o saldo do FGTS

É muito importante ficar atento aos seus direitos quando demitido. Faça as contas, e busque ajuda de um contador – se achar necessário – para conseguir ter ainda mais segurança.

Rescisão também pode ter alguns descontos: fique atento!

Você calculou certinho quais são os seus direitos quando demitido, e mesmo assim acabou recebendo um valor menor do que o esperado? Pode ser que a empresa tenha feito algum desconto devido em sua rescisão.

Portanto alguns dos descontos mais comuns que podem ocorrer são valores referentes a faltas não justificadas, empréstimo consignado, adiantamento de vales, e etc. Manter o controle sobre o que você deve para a empresa é importante também para conseguir entender melhor os valores que se referem aos direitos quando demitido.

Encontre a vaga de emprego perfeita para você!

Certamente hoje em dia é muito mais fácil se candidatar a uma vaga de emprego. No entanto você pode fazer isso através da internet, acessando um site de vagas de emprego! Nessas páginas especializadas, os contratantes divulgam as oportunidades e fazem contato com os candidatos!

Mas independentemente de qual é a forma que você escolha para procurar um emprego – seja virtualmente ou pessoalmente – é muito importante estar atento aos seus direitos quando demitido!

Então tenha sempre os seus holerites guardados, arquive atestados médicos e justificativas de atrasos e faltas para conseguir contestar qualquer desconto que considere indevido.

No entanto um contador deverá ser disponibilizado pela empresa para ajudar você a fazer os cálculos, e entender quais são os seus direitos quando demitido.

E se tiver alguma dúvida, não assine a papelada até ter certeza de que está recebendo o valor correto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *