5 dicas de como manter a educação financeira com empréstimos

Todos nós deveríamos possui noções básicas de educação financeira com empréstimo, afinal, nunca sabemos quando iremos precisar recorrer aos bancos ou agências financeiras.

Caso você já esteja passando por essa situação fica ainda mais importante − na verdade, imprescindível − entender mais sobre empréstimos. Somente dessa maneira será possível escolher a melhor opção para o seu caso.

Aqui nós iremos discorrer um pouco mais sobre a importância da educação financeira com empréstimo e quais os parâmetros que devem ser analisados antes de fechar um empréstimo.

educação financeira com empréstimo
5 dicas de como manter a educação financeira com empréstimos

Educação financeira com empréstimo: por que tão importante?

Como já levantamos aqui, pedir ajuda financeira não é algo muito incomum e você pode precisar das agências credoras quando menos imaginar. Dito isso, saber sobre educação financeira com empréstimo é fundamental.

Entender os fundamentos de finanças é a melhor maneira de você se livrar das dívidas. De nada adianta você realizar um empréstimo para pagar as suas dívidas se não conseguir pagar o próprio crédito.

Há diversos fatores que devem ser analisado na hora de pedir um empréstimo (nos falaremos sobre eles no tópico seguinte) e conhecê-los é a maneira mais fácil de escolher um bom negócio para você.

É preciso ressaltar que a melhor oportunidade de crédito para uma determinada pessoa não será, necessariamente, a melhor oportunidade para você.

Isso porque os bancos analisam cada requerente através do perfil. Então a melhor opção para o seu perfil pode não ser compartilhada com a de outra pessoa. Agora vamos às dicas de educação financeira com empréstimo.

5 dicas para te ajudar a escolher a melhor opção

• Descubra o valor real do empréstimo

Quanto mais dinheiro você requerer à agência credora, mais tempo a dívida irá se prolongar. Faça os cálculos, se organize e solicite somente o necessário. Assim a dívida acaba mais rápido e você ainda terá o problema resolvido.

• Estude todas as possibilidades

Sempre que falamos sobre empréstimo a primeira coisa que nos acomete à cabeça são os bancos. Afinal, eles são, sem dúvida, as maiores agências financeiras. Entretanto, há outras possibilidades atualmente, até mesmo online.

educação financeira com empréstimo
5 dicas de como manter a educação financeira com empréstimos

• Questione sobre o CET

O CET é sigla para Custo Efetivo Total. Esse custo envolve toda a transação do empréstimo, incluindo as taxas, impostos, tarifas, etc. Ou seja, você não deve levar só em consideração as taxas de juros (elas podem enganar).

• Discorra sobre as possibilidades de parcelamento

A melhor maneira para você quitar um empréstimo é ajustando as parcelas. Elas devem ser condizentes com o seu orçamento e, mais do que isso, devem estar programadas para o melhor dia do mês.

• Descubra o seu tipo de empréstimo

O empréstimo pessoal é o mais popular entre os clientes, mas existem outras possibilidades interessantes, como empréstimo consignado. Converse com o gerente do banco ou responsável pelo empréstimo sobre as opções.

Como saber se o contrato contempla juros abusivos?

Uma questão importantíssima sobre educação financeira com empréstimo é o juro abusivo. Os juros são previstos por lei, no entanto, eles não podem ultrapassar o valor que consta na tabela do Banco Central do Brasil.

Caso você esteja pagando mais juros que o legalmente permitido tem o direito de ser reembolsado com o valor excedente (e em dobro) pela agência financeira.

Juros abusivos também podem aparecer em cobranças de cartão de crédito, então sempre fique atento às suas faturas quando não conseguir pagá-las.

Essas são algumas dicas básicas sobre educação financeira com empréstimo, mas elas já são de grande ajuda para você não errar na hora de fechar o seu contrato de empréstimo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 + 14 =